AGENDAMENTO DE CONSULTAS: (54) 3045-9700 | (54) 3045-9800
VIA WHATSAPP: (54) 99253-3525
LISTA DE TELEFONES ÚTEIS   ↵

« Voltar
CIRURGIA DE PRóTESE DE QUADRIL VIA ANTERIOR POSSIBILITA UMA REABILITAçãO MAIS RáPIDA

De acordo com a OMS, 10% da população acima dos 60 anos sofre com a osteoartrose. Quando atinge o quadril, este processo é caracterizado pelo "desgaste" da cartilagem do quadril, que sofre um processo degenerativo e torna-se doloroso e limitado. 

Para melhorar a qualidade de vida, mobilidade, e aliviar a dor destas pessoas, a cirurgia de prótese de quadril ou artroplastia do quadril é o procedimento indicado. O Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) de Passo Fundo, Unidade Uruguai, é referência em Ortopedia e Traumatologia.  Realizado pelos médicos da Clínica IOT, são oferecidos procedimentos como a cirurgia de prótese que visam à saúde e qualidade de vida dos pacientes. Em constante busca por melhores procedimentos e o que há de novo na Medicina, o médico ortopedista Dr. Gabriel Knop realizou pela primeira vez no HSVP, a cirurgia de prótese de quadril via anterior, uma abordagem que possibilita a diminuição do tempo de internação, custo e quadro de dor.

Conforme Knop, o procedimento é semelhante a uma prótese de quadril por via posterior ou lateral (vias mais utilizadas), mudando apenas a abordagem, onde a incisão é feita na parte anterior da coxa, e é possível fazer a incisão no sentido vertical (hueter) ou horizontal (incisão do biquíni). Assim a cicatriz fica com melhor aparência e pode ser coberta pela roupa. “Por se tratar de uma abordagem com apenas afastamento da musculatura, e não corte da musculatura, com posterior reinserção, a reabilitação nessa abordagem pode ser feita de forma precoce, diminuindo tempo de internação, custo e quadro de dor. Outra característica dessa abordagem é o risco menor de luxação, menor risco de claudicação (mancar), e taxa menor de assimetria dos membros”, revela o especialista. 

A recuperação e reabilitação do paciente no procedimento inicia logo após o procedimento, com o paciente estável. “Assim que passa o efeito anestésico, o paciente pode deambular no mesmo dia, podendo ter alta no dia seguinte ao procedimento”, explica o especialista.

  A cirurgia é realizada após previa avaliação do médico ortopedista. “Infelizmente, não é uma abordagem para todos os pacientes. Pacientes obesos, com deformidades ósseas importantes e massa muscular aumentada, devem ser avaliados individualmente, caso a caso. Pacientes com artrose, fratura de colo de fêmur, e baixo índice de massa corporal são considerados os pacientes ideais para tal procedimento”.

 

Fonte: HSVP



Mais Sobre
MAIS SOBRE

 
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Prova AMB/ AMRIGS 2020
Cirurgia de Prótese de quadril via anterior possib...
PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS PROGRAMA DE...
Síndrome da Cauda Equina requer cuidados urgentes
Equipe de Cirurgia do Membro Superior tem capítul...
ENTRE EM CONTATO
(54) 3045-9700 / 3045-9800 Whatsapp 99253 3525
sac@iotrs.com.br

NEWSLETTER
Para assinar nossa newsletter preencha o campo abaixo.
Ok
© 2021 IOT HOSPITAL DO TRAUMA | www.iotrs.com.br - Todos os Direitos Reservados